Melomakárona


O Natal está chegando e está na hora de preparar as delícias que acompanham esta data.

Os doces mais tradicionais em toda a Grécia durante a época de Natal e Ano Novo são o Kourabié, Kourabiédes no plural, e o Melomakárono, Melomakárona no plural. Por que o plural? Porque você nunca vai comer um só!!!!

Hoje vou passar a receita de Melomakárona, o que eu mais gosto.

Quem visita a Grécia durante o verão não vai sequer ouvir falar neste doce porque as docerias só fazem durante a época do Natal e Ano Novo. Não sei o por que disto, talvez porque não é época de nozes, ou algo assim, mas para provar esta iguaria na Grécia, só viajando para lá durante as festas.  Existe até um blog de troca de receitas de melomakárona e uma petição para que sejam feitos nas docerias durante todo o ano. Espero que dê resultado!!!

Quem quiser saber mais sobre a etimologia da palavra e um pouco da história do melomakárono pode olhar no link http://www.24grammata.com/?p=6966 que está em grego, mas o Google dá uma tradução razoável. Dica: tem a ver com a origem da palavra macarronada.

Ah, em alguns lugares também são chamados de Finíkia (φοινίκια).

Melomakárona   

Μελομακάρονα        
  


Ingredientes:
2 xícaras de chá de óleo (originalmente feito com azeite extra virgem)
1 xícara chá de açúcar
½ xícara de chá de suco de laranja
½ xícara de chá de conhaque (um Metaxá vai bem)
2 colheres de chá rasas de canela em pó
2 colheres de chá de fermento químico
1 colher de chá rasa de bicarbonato de sódio
8 xícaras de chá de farinha
200 g de nozes bem picadas

Ingredientes da calda:
1 xícara de chá de mel
2 xícaras de chá de açúcar
2 xícaras de chá de água

Modo de preparo dos biscoitos:
Peneire a farinha e reserve 1 xícara de chá. Dependendo da farinha vai ser necessária ou não.
Junte à farinha (as 7) o fermento e o bicarbonato e misture.
Bata todos os demais ingredientes no liquidificador.
Coloque o líquido em um bowl (bacia) grande e vá juntando a farinha aos poucos sem sovar apenas misturando suavemente para o líquido incorporar a farinha. Faça movimentos com a massa virando a massa de baixo para cima, não misture muito ou o óleo vai começar a se separar.


Depois de juntar as 7 xícaras,  verifique se a massa forma biscoitos. Se o biscoito ficar mole demais, não ficando na forma que você moldou, adicione mais farinha até chegar no ponto.



Molde os biscoitos e coloque numa forma levemente untada com óleo.




Asse em forno médio (180 oC) até ficarem dourados. Na dúvida olhe a parte de baixo do biscoito, não deixe queimar.

Modo de preparo da calda:
Cozinhar todos os ingredientes por 5 minutos a partir do começo da fervura tirando a espuma que se forma por cima.

Montagem:
Banhe os biscoitos frios na calda quente a gosto. Se quiser  biscoitos bem molhados, deixe mais tempo, mas não esqueça que com o tempo eles vão ficam mais moles. Se prefere mais crocantes, deixe pouco tempo.
Coloque num recipiente e cubra com nozes.
Os biscoitos duram cerca de trinta dias se conservados em local fresco. (Meio difícil durar tanto tempo, vai comer tudo antes).

Dicas:
- Estes biscoitos também são feitos recheados. Basta rechear com nozes picadas.
- Em alguns lugares da Grécia, acrescenta-se cravo em pó à receita tradicional.
- A moda na Grécia, agora, é fazer a massa de chocolate, basta adicionar chocolate na receita e diminuir um pouco a farinha.
- Outra moda é fazer com cobertura de chocolate, como um bombom.

3 comentários:

  1. Olá! Deixei um selo para ti no meu blogue. É um passatempo em que temos de nomear blogues favoritos com menos de 200 seguidores, quem nomeia escreve umas perguntas e os bloggers nomeados respondem no seu blogue. Eu escolhi-te a ti! Se quiseres participar, o link é este:
    http://maos-de-manteiga.blogspot.pt/2013/02/selo-liebster-award.html

    Beijinhos*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Super obrigada por me nomear! Vou participar sim :)
      beijos

      Excluir

Tem algum pedido especial? Fale para mim.

Postagens populares

Siga por Email