Portokalópita - Torta de laranja

Quem assistiu ao filme “Casamento Grego” deve se lembrar do pai da noiva, que sempre dizia que tudo tinha origem grega. Quando penso na palavra portokáli (πορτοκάλι), lembro-me dele. Portokáli significa laranja ou cor de laranja, mas também pode significar português (proveniente de Portugal) e aí pode começar a brincadeira...
Na verdade, a laranja ganhou o nome de portokáli devido aos portugueses terem trazido a variedade doce desta fruta maravilhosa da China por volta do século XVI e comercializado em toda a Europa.
Esta receita de torta é bem diferente das tortas convencionais, a massa não é feita com farinha, mas com massa folhada imersa numa mistura líquida. Nunca ouvi falar desta torta até encontrar por acaso num blog grego e como achei bem diferente fiz uma pesquisa e descobri que é uma criação mais recente, mas já ficou famosa por toda a Grécia.
As receitas que encontrei diferem um pouco na quantidade dos ingredientes, então acabei fazendo a minha versão.


Portokalópita
Πορτοκαλόπιτα
Torta de laranja

Ingredientes:
500 gr de massa fillo
1 xícara de chá de açúcar
4 ovos
250 gr de iogurte drenado
½ xícara de chá de óleo
1 colher de chá de extrato de baunilha
Raspas de laranja
1 colher de sopa de fermento químico em pó

Ingredientes da calda:
2 xícaras de chá de açúcar
1 xícara de chá de água
Suco de 3 laranjas
1 tira de casca de laranja
1 colher de sopa de mel (de flor de laranjeira)
1 ramo de canela em pau

Modo de preparo:
Comece drenando o iogurte. Coloque um pano de prato sobre uma peneira e esta sobre uma vasilha de forma a não tocar no fundo. Coloque o iogurte dentro do pano e deixe na geladeira drenando por 2 horas.
Em seguida prepare a calda e depois a massa.

Modo de preparo da calda:
Coloque todos os ingredientes numa panela e deixe ferver por cerca de 7 minutos após o início da fervura. Tire do fogo, retire a casca de laranja (para não amargar) e deixe esfriar.

Modo de preparo da massa:
Corte as folhas de massa filo em tiras, torça as tiras e coloque numa forma untada. Deixe a massa “secando” por cerca de meia hora.

Numa vasilha, coloque os ovos e bata levemente. Adicione todos os demais ingredientes deixando o fermento por último.

Despeje o conteúdo da vasilha sobre as folhas de massa que estão na forma e ajude a massa absorver o líquido usando um garfo.
Asse em forno pré-aquecido a 180 oC por cerca de 40 minutos ou até a massa ganhar um tom castanho.
Tire do forno e regue com a calda.
Deixe esfriar bem e sirva.

Dicas:
- Deixe a massa fillo secar bem assim ela absorverá melhor o líquido.
- Evite que a massa fillo forme grumos para a torta não ficar com partes “massudas” e outras moles.
- Caso deseje usar massa folhada, asse levemente a massa antes. Não deixe ficar dourada, apenas espere folhar.
- Opcionalmente, adicione passas.
- Se desejar uma torta mais baixa use uma forma de 22x34. Para uma torta mais alta use uma forma menor.
- Esta torta fica ótima com sorvete.

Um comentário:

  1. Ahhhh eu ADORO Portokalopita!!!! A esposa do eletricista do meu prédio faz uma TÃO gostosa!!!

    ResponderExcluir

Tem algum pedido especial? Fale para mim.

Postagens populares

Siga por Email